Sábado, 22 de Junho de 2024
31°

Tempo nublado

Teresina, PI

Polícia Ataque

Criança é atacada por pitbull e morre no Hospital de Urgência de Teresina

Os policiais acreditam que o animal foi sacrificado por moradores após o ataque.

20/03/2024 às 14h06
Por: Amanda Bonfim Fonte: Portal Verdes Campos Sat
Compartilhe:
Criança é atacada por pitbull e morre no Hospital de Urgência de Teresina

Uma menina de 8 anos foi atacada no rosto por pitbull do seu irmão mais velho. O caso aconteceu nesta quarta-feira (20) no bairro Santa Bárbara, zona leste de Teresina. 

Para socorrer a vítima, o cachorro precisou ser sacrificado. Em seguida, a criança foi levada ao hospital pelo irmão e por um amigo da família. 

Na casa onde aconteceu a trágedia, moram a mãe e seus três filhos: um é maior de idade e seria o tutor do animal e os outros são a menina (8 anos), que possui microcefalia e seu irmão mais novo (6 anos).

De acordo com a apuração da polícia, o animal entrou no quarto onde a criança estava e ela teria se assustado com a entrada repentina do cachorro, gritando ao vê-lo, sendo assim atacada. O pitbull geralmente passa a noite solto dentro do terreno e durante o dia é preso, mas neste dia ele acabou escapando e entrando forçadamente na casa.

A mãe relatou à polícia, que a criança estava deitada e coberta com o lençol no quarto.

"De início o animal começou a brincar com a criança e depois a atacou", explicou.

Com os gritos da família, os vizinhos vieram ajudar e prenderam o animal no quarto onde foram encontradas ferramentas que supostamente foram usadas para matar o cachorro. 

A criança foi levada para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), pelo irmão e por um amigo da família em um veículo particular. Ela chegou instável no hospital e não foi possível estabiliza-lá devido a gravidade dos ferimentos, o que levou ao seu óbito.

A Polícia Militar está aguardando a delegacia da área para realizar a perícia e descobrir o que levou a morte do animal. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias