Segunda, 22 de Abril de 2024
22°

Tempo nublado

Teresina, PI

Câmara dos Deputados Câmara dos Dep...

Projeto suspende carência de planos de saúde para internação de infectados pela dengue

Para combater expansão da doença, texto também prevê contratação temporária de agentes de zoonose; proposta está em análise na Câmara dos Deputados

04/03/2024 às 20h30
Por: Redação Portal Verdes Campos Sat Fonte: Agência Câmara
Compartilhe:
Bruno Spada/Câmara dos Deputados
Bruno Spada/Câmara dos Deputados

O Projeto de Lei 351/24 estabelece uma série de medidas de emergência para combater o mosquito transmissor da dengue ( Aedes aegypti ). O texto está em análise na Câmara dos Deputados.

Entre outros pontos, a proposta prevê:

  • suspensão da carência dos planos de saúde para exames e internações dos infectados;
  • contratação simplificada e temporária de novos agentes de zoonose;
  • extensão do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e de benefícios de assistência social instituídos pelas unidades federativas para os infectados; e
  • reforço dos órgãos de proteção ao consumidor para coibir práticas abusivas de preços de produtos relacionados à prevenção da doença.

O projeto é de autoria da deputada Dandara (PT-MG) e altera a Lei 13.301/16 , que previu medidas para combater o zika vírus, também transmitido pelo Aedes aegypti , na época em expansão no Brasil.

“Diante do aumento exponencial de casos de dengue e da sobrecarga dos sistemas de saúde, tanto públicos quanto privados, torna-se urgente uma resposta coordenada e efetiva por parte das autoridades”, disse Dandara.

Números
De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil atingiu a marca de 1 milhão de casos de dengue entre janeiro de fevereiro de 2024. Foram registrados 1.017.278 casos, com 214 mortes, nesse período. Existiam ainda 687 casos em investigação para saber se a morte foi causada pela dengue.

Tramitação
O PL 351/24 será analisado, em caráter conclusivo, pelas comissões de Defesa do Consumidor; de Previdência, Assistência Social, Infância, Adolescência e Família; de Saúde; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias