Segunda, 22 de Julho de 2024
25°

Parcialmente nublado

Teresina, PI

Geral Estudantes

Pé-de-Meia começa pagamento da 4ª parcela hoje; veja o calendário

Os depósitos de R$ 200 acontecerão até o dia 1º de julho, conforme a data de nascimento dos beneficiários

24/06/2024 às 14h37
Por: Fabio Brito Fonte: IG
Compartilhe:
Pé-de-Meia começa pagamento da 4ª parcela hoje; veja o calendário

Ao longo dos três anos do Ensino Médio, alunos podem receber até R$ 9,2 mil
Os alunos inscritos no  Programa Pé-de-Meia começam a receber a quarta parcela de R$ 200 a partir desta segunda-feira (24). Os depósitos acontecerão até o dia 1º de julho, conforme a data de nascimento dos beneficiários. 

A primeira parcela, paga no final de março e início de abril, foi referente ao incentivo pela matrícula. Já os pagamentos seguintes são creditados nas contas dos estudantes que mantiveram a frequência média de 80% nos meses letivos, de acordo com controle feito pelas redes de ensino.

Abaixo, veja o cronograma da nova parcela:

24 de junho: nascidos em janeiro e fevereiro
25 de junho: nascidos em março e abril
26 de junho: nascidos em maio e junho
27 de junho: nascidos em julho e agosto
28 de junho: nascidos em setembro e outubro
1º de julho: nascidos em novembro e dezembro

Ampliação
Em abril, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) anunciou a ampliação do programa, incluindo cerca de 1,2 milhão de novos estudantes . Desta forma, o programa deve passar a ter cerca de 3,7 milhões de beneficiados. Os valores podem chegar a R$ 9,2 mil nos três anos do ensino médio. 

O programa
O "Pé-de-Meia" oferece incentivo financeiro para jovens (14 a 24 anos) de baixa renda  permanecerem matriculados e concluírem o ensino médio.

Quanto os beneficiados recebem?
O programa prevê o pagamento de incentivo mensal de R$ 200, valor que pode ser sacados em qualquer momento, mais depósitos de R$ 1.000 ao final de cada ano concluído, que o estudante só pode retirar da poupança após se formar no ensino médio. Considerando as dez parcelas de incentivo, os depósitos anuais e, ainda, o adicional de R$ 200 pela participação no Enem, os valores chegam a R$ 9.200 por aluno.

Qual é o mínimo de frequência escolar?
Para receber a quantia, os alunos também precisam garantir o mínimo 80% de frequência escolar. Além disso, é necessária a conclusão do ano letivo com aprovação e a participação em exames obrigatórios.

Impactos financeiros

O orçamento inicial do programa era de R$ 7,1 bilhões anuais.  De acordo com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, mais R$ 3 bilhões serão investidos anualmente para contemplar a ampliação . Assim, o investimento total será de cerca de 10,1 bilhões. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias