URGENTE: Concurso da PM é adiado

O motivo foi o aumento da disseminação da Covid-19.
2 de Dezembro de 2021 às 13:35 - Atualizada em 15h09

Foto: Reprodução/ Internet URGENTE: Concurso da PM é prorrogado
URGENTE: Concurso da PM é prorrogado

No começo desta tarde (02) a prova do concurso da Polícia Militar do Piauí (PM-PI) foi adiada em cima da hora. Segundo informações da banca organizadora, a causa se dá devido à confirmação de casos da variante ômicron no país e a grande quantidade de inscritos no concurso.

A decisão foi assistida pelo Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (NUCEPE), Secretária de Administração e Previdência do Estado do Piauí (SEADPREV) e o comando geral da PM-PI, Lindomar Castilho.

Os organizadores reiteram que o motivo da prorrogação é pelo fato de manter o distanciamento exigido nos protocolos sanitários do Estado e o aumento da quantidade de Centros de Aplicação de Provas para atender a demanda, tudo isso foi levado em consideração para informar a todos, em especial, aos inscritos que a Prova Escrita Objetiva para o cargo de Soldado PMPI, marcada para o dia 05 de dezembro (domingo), foi suspensa", afirma a nota divulgada pela banca organizadora.

Foto: ReproduçãoURGENTE: Concurso da PM é adiado
URGENTE: Concurso da PM é adiado

 A NUCEPE ainda divulgará uma nova data para a realização da prova.  

Deste modo, o sistema hoteleiro já vinha se preparando para recepcionar diversos concurseiros de todo o Brasil. Também sentem os prejuízos, como é o caso do Empresário Franly Lima.

‘’Esta nota é de repudio. Os administradores do governo do Estado não mostram sensibilidade para as empresas particulares, sendo nós, empresários, quem sustentamos toda a massa do Governo. Eu como empresário do Grupo Franly me sinto deslocado porque nós temos uma rede de hotéis aqui no Estado. Por conta da prova que iria ocorrer neste domingo, muitos concurseiros, de todo o país, já tinham reservado diversos quartos, incluindo várias caravanas de Pernambuco, Maranhão e Bahia. Desse modo, havíamos cancelado outras demandas que tinham surgido, para ter que recepcionar estes concurseiros. O que nos pediu mais responsabilidade e um trabalho de 24hrs.

E em cima da hora o Governo cancela o concurso. Podia ter sido cancelado há dez dias, ou mais na frente, não é mesmo?

Isso nos trouxe muito prejuízo. A demanda já tem sido pouca e com essa suspensão só piorou. Nada contra eles terem cancelado, mas nos pegou de surpresa, é uma brincadeira e absurdo para a hotelaria. Estou me sentindo prejudicado’’, pontuou o empresário.

A qualquer momento, novas atualizações.  

Deixe seu comentário