Sesapi mantém intervalo de cinco meses para dose de reforço

Após anunciar que o Piauí reduziria o intervalo da dose de reforço, logo em seguida o Florentino Neto, voltou atrás.
7 de Dezembro de 2021 às 15:47

Foto: Reprodução/ Internet Sesapi mantém intervalo de cinco meses para dose de reforço
Sesapi mantém intervalo de cinco meses para dose de reforço

Na manhã desta terça-feira (07) a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI) informou que vai reduzir para quatro meses a aplicação da dose de reforço contra a covid-19, mas voltou atrás e manterá o cronograma de aplicação, que é de cinco meses.                                                                                                             

De acordo com o secretário estadual de Saúde, Florentino Neto, a decisão partiu quando chegaram a trabalhar com essa possibilidade da redução, de cinco para quatro meses, no entanto nossos municípios podem ter problemas na execução dessa nova sistemática, em razão do fluxo de vacinas que recebemos do Ministério.

 A decisão foi revertida após uma reunião nesta tarde, com técnicos da Sesapi. E o governo do estado alega ausência de uma nota técnica acerca da redução da quantidade de meses entre a aplicação da segunda dose e a de reforço e a baixa quantidade de imunizantes distribuídos ao Estado dificulte a logística dos municípios quanto ao novo prazo.

Deixe seu comentário